Como sobreviver ao primeiro encontro com os sogros

O que fazer – e o que evitar – antes, durante e depois do jantar com os pais da sua namorada.

como-sobreviver-ao-primeiro-encontro-com-os-sogros-si222-1

Antes do encontro – parte A
Levante a ficha dos velhos. Quando você for conhecer os sogros, sua namorada já deverá ter lhe contado como é o estilo deles. Caso contrário, pergunte, para não errar.

como-sobreviver-ao-primeiro-encontro-com-os-sogros-si222-2

Antes do encontro – parte B
Avise sua namorada sobre condições extraordinárias. Se você for alérgico ao gato da casa ou ao bobó de camarão que é a especialidade da sua sogra, é bom que ela saiba disso. Caso contrário, é vexame na certa.

como-sobreviver-ao-primeiro-encontro-com-os-sogros-si222-3

Antes do encontro – parte C
Prepare-se para ser interrogado. Imagine as perguntas que lhe podem ser feitas e tenha respostas na ponta da língua para elas.

como-sobreviver-ao-primeiro-encontro-com-os-sogros-si222-4

Durante o encontro – na entrada
Aperte a mão do sogro com vontade. Apertos de mão fortes passam a mensagem “eu vou cuidar da sua filha” e sinalizam que você quer negócio sério. Evite usar camiseta com mensagem que possa causar desconforto, como apologia ao uso de drogas ou ofensas a qualquer grupo. Não chame os sogros de tio e tia. Não há coisa mais ofensiva para os cinquentões.

como-sobreviver-ao-primeiro-encontro-com-os-sogros-si222-5

Durante o encontro – à mesa
Nunca ataque a comida antes dos sogros. Coma, mesmo que não goste. Não encha o prato como um esfomeado, mas sirva-se bem. Caso oferecerem repetição, aceite.

como-sobreviver-ao-primeiro-encontro-com-os-sogros-si222-6

Durante o encontro – na saída
Deixe o beijo de língua para mais tarde. Ainda que você fique a sós com sua garota na despedida, convém ser discreto e evitar carinhos escandalosos. Nunca, jamais, em hipótese alguma use o lavabo com a porta entreaberta.

Fonte: http://super.abril.com.br

Dia de Santo Antônio

banner_painel_decorativo_santo_antonio_festa_junina

O Dia de Santo Antônio é comemorado a 13 de junho por ser a data de sua morte. Santo Antônio morreu em Pádua, na Itália, no dia 13 de junho do ano de 1231.

Santo Antônio foi inicialmente um frade agostiniano, tendo mais tarde entrado na ordem Franciscana (1220). Foi muito conhecido pela sua vida despojada de riquezas, apesar de ter nascido em uma família afluente. O seu trabalho com os pobres foi essencial para que fosse rapidamente reconhecido como santo após sua morte. A canonização de Santo Antônio aconteceu poucos anos após sua morte, e muitos consideram que terá sido uma das canonizações mais rápidas da história.

Entre os santos que mais são comemorados durante as festas juninas, Santo Antônio é com certeza o que mais possui devotos espalhados pelo Brasil e também por Portugal. Normalmente é representado carregando o menino Jesus em seus braços, e ficou conhecido como “casamenteiro” sendo sempre invocado para auxiliar moças solteiras a encontrarem seus noivos.

Em vários lugares do Brasil, há moças que chegam a realizar verdadeiras maldades com a imagem de Santo Antônio a fim de agilizarem seus pedidos. Não são raras as jovens que colocam a imagem do santo de cabeça para baixo e dizem que só o colocam novamente na posição correta se lhes arrumar um namorado. Também separam-no do menino Jesus e prometem devolvê-lo depois de alcançarem o pedido.

O Dia dos Namorados no Brasil é no dia 12 de junho justamente por ser a véspera do Dia de Santo Antônio. Na madrugada do dia 13 são realizadas diversas simpatias para desencalhar. Mas não é só o título de casamenteiro que Santo Antônio carrega. Ele também é conhecido por ajudar as pessoas a encontrarem objetos perdidos.

Na tradição brasileira, o devoto de Santo Antônio gosta de ter sua imagem pequena para poder carregá-la. Por esse e tantos outros motivos que ele é considerado o “santo dos milagres”. Ainda com a tradição, são realizadas duas espécies de reza e festa em homenagem a Santo Antônio. A primeira delas, chamada “os responsos”, é realizada quando o santo é invocado para achar coisas perdidas e a segunda, designada “trezena”, é a cerimônia dedicada ao santo do dia 1 ao dia 13 de junho, com cânticos, fogos, comes e bebes e uma fogueira com o formato de um quadrado.

Ainda há um outro costume que é muito praticado pela Igreja e pelos fiéis. Todo o dia 13 de junho, as igrejas distribuem aos pobres e afortunados os famosos pãezinhos de Santo Antônio. A tradição diz que o pãozinho deve ser guardado dentro de uma lata de mantimento, para a garantia de que não faltará comida durante todo o ano.

Oração a Santo Antônio

oração-santo-antonio-vó

E você que está encalhada, pare de torturar o pobre do Santo dando caldo nele, no máximo, o que vai acontecer é molhar a imagem. 🙂 kkkkkkkkkkkkkkk [Já passei da idade de acreditar em simpatia :p ]

images (1)

Mas sério, pra quem acredita, o que não faltam no Gúgôu são simpatias para arranjar namorado. Boa sorte procês! 🙂

Como namorar na Roma antiga

Há 2 mil anos, o poeta romano Ovídio escreveu um grande guia de paquera: o livro A Arte de Amar. As dicas eram para homens e mulheres da Roma Antiga – mas continuam válidas hoje em dia.

como-namorar-na-roma-antiga-1IDE PARA A RUA
“A multidão é útil, jovens beldades. Levem sempre seus passos errantes para fora de casa. O acaso desempenha seu papel em todo lugar: jogue sempre o anzol na água. Onde você menos espera pegar um peixe, haverá um”.

como-namorar-na-roma-antiga-2BEBEI MODERADAMENTE
“O vinho prepara os corações e os torna aptos aos ardores amorosos; as preocupações fogem e se afogam nas múltiplas libações. Qual é a justa medida a ser conservada ao beber? Que sua inteligência e seus pés continuem exercendo o ofício deles.”

como-namorar-na-roma-antiga-3PREPARAI-VOS
“Esconda os defeitos, e, o quanto possível, dissimule suas imperfeições físicas. Se você é pequena , sente-se; em pé, evite que a creiam sentada; e estenda sua miúda pessoa sobre o leito.”

como-namorar-na-roma-antiga-4NA ESCURIDÃO, ENGANAI
“Não deixe a luz penetrar por todas as janelas no quarto de dormir; muitas partes do seu corpo são favorecidas não sendo vistas à luz do dia. E mesmo você a quem a natureza recusou as sensações de amoroso prazer finja, com inflexões mentirosas, apreciar os doces júbilos.”

como-namorar-na-roma-antiga-5SEDE UM CORNO MANSO
“O melhor é ignorar tudo. Deixe-a ocultar suas infidelidades e não a force a mudar sua fisionomia para fugir ao rubor da confissão. Razão a mais, jovens, para evitar surpreender suas amantes. Que elas os enganem, e que enganando-os elas pensem que os estão enganando!”

como-namorar-na-roma-antiga-6SE LEVARDES UM FORA
“Evite reler as cartas de sua amante que você guardou; almas firmes ficam abaladas quando relêem tais cartas. Jogue tudo impiedosamente no fogo, por mais que isso lhe custe, e diga -Que esta seja a fogueira que amortalhará o meu amor!”

Fonte: http://super.abril.com.br

Dia dos Namorados

namoradoscd

O dia dos namorados surgiu em homenagem aos deuses Juno e Lupercus, conhecidos como os protetores dos casais. No dia 15 de fevereiro, faziam uma festa a estes, agradecendo a fertilidade da terra, os rapazes colocavam nomes de moças em papeizinhos para serem sorteados. O papel retirado seria o nome de sua esposa.

Como muitos casais apaixonados eram impedidos por suas famílias de casarem-se, um padre de nome Valentino passou a realizar matrimônios às escondidas, quando os casais fugiam, para que não ficassem sem receber as bênçãos de Deus.

Com isso, o dia 14 de fevereiro passou a ser considerado o dia de São Valentin (Valentine’s Day), em homenagem ao padre, sendo comemorado nos Estados Unidos e na Europa como o dia dos namorados.

A divulgação da data no Brasil foi feita pelo empresário João Dória, que havia chegado do exterior. Representantes do comércio acharam uma ótima ideia para aquecer as vendas e escolheram o dia 12 de junho para ser o dia dos namorados em nosso país. A data foi escolhida às vésperas do dia de santo Antônio, o santo casamenteiro.

Ideias de presentes para os pombinhos <3

Sem ideia do que comprar amanhã? Cansados dos mesmos presentes comerciais de todos os anos? Seus problemas terminaram! kkkkkkkkkkkk

Sim, falando sério, quem é mais chegado num faça-você-mesmo, o que não faltam são ideias legais e fofinhas pra presentear o love.

Aqui no Mais que Namorados tem uma lista de sugestões, mas sem dúvidas, a que achei mais bacana foi esta luminária para jantar romântico, porque serve pra qualquer momento, até pra decorar a casa. 🙂

abajur-na-taca-post

Material

papel vegetal (90g) encontra-se em papelaria, mas caso não ache imprima em um papel mais durinho (papel de convite) ou até mesmo no papel Chamex (não irá ficar tão durinho quanto no papel vegetal)
taça de vinho
vela de rechaud (velas pequenas que encontramos em lojas de 1,99)
molde da luminária (aqui)
tesoura
estilete

4654

Mãos à obra

Imprima o molde da luminária em papel vegetal ou o papel que você tiver (não deixe de fazer só porque não tem o papel vegetal), recorte nas linhas pretas, nas linhas internas passe o estilete, monte conforme a figura acima. A cúpula está pronta.
Agora é só montar: pegue a taça de vinho, coloque uma vela dentro acenda a vela e encaixe a cúpula. Prontinho a sua luminária está pronta para um jantarzinho romântico com todo um charme.

ta_ajur_1Menina, diz aí se não é uma fofurice megaultrablaster? Eu amei! O que não me faltam são taças pra fazer luminária/abajur e espalhar pela casa inteira! kkkkkkkkk

E aí, aproveitou alguma dica? Não? Então corre no Gúgôu que o que não faltam são sites com sugestões de presentes criativos e baratos, como pintar camisa, fronha, caneca, fazer mural de fotos, de linha, enfim, não precisa ser nenhum artista plástico pra fazer um presente, basta vontade e amor! 😉

Ai como eu tô romântica!! ❤  kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Valentine Lightbulb

Estava eu fazendo “aquela” faxina no email (tenho toc, preciso apagar os emails de spam, antigos e etc), e quando chego em outubro de 2010 acho essa coisa mais fofa do mundo, e que me deu uma excelente ideia pras lâmpadas que eu tenho guardadas. Com essa novidade é certo que pelo menos uma sairá do saco! kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Pois bem, esta é a Valentine lightbulb do Design Sponge, mas, que na época eu vi no DeCoração Blog e esse PAP é de lá! 😉

lamp1

Material

Lâmpada elétrica incandescente de bulbo transparente (preferencialmente já queimada, né?)
Fio elétrico fino vermelho (ou outra cor que você quiser)
Estilete
Chave de fenda
Base de cortiça ou cubo de madeira
Papelzinho, cartãozinho ou algo do tipo, para escrever a frase
Caneta
Tachinha (que algumas pessoas chamam de percevejo)
Cola
Martelo
Prego

Mãos à obra

Prepare uma superfície de trabalho (lisa e sem obstáculo). Desenrosque a base de contato da lâmpada e retire o filamento de tungstênio (no Casa, Coisas e Tal explica passo a passo com fotos como esvaziar o interior de uma lâmpada com segurança).

 lamp2 lamp3

Pegue o fio e faça o “desenho”, o formato de coração (ou outro desenho que você quiser).

 lamp4

Se você usar uma base de cortiça, dará pra você usar o próprio fio (desencapando a pontinha) como suporte. Se for de madeira (ou o fio for muito fino), você pode usar um preguinho, com ajuda de um martelo, pra fazer um buraco e encaixar o fio. Para assegurar que vai estar bem firme, você pode colocar um pouco de cola, para fixar a base. Encaixe dentro do bulbo passando através da base de contato.

Agora é só escrever no papel, pregar com a tachinha e voilá: está pronto.

lamp5É muito amooooooor!!  ❤     ❤     ❤     ❤     ❤     ❤     ❤

Eu NECESSITO fazer uma, assim que chegar em casa vou procurar um fio, porque se eu tenho a lâmpada, o resto se providencia! kkkkkkkkkkkk

E #FicaADica pro Dia dos Namorados que já está batendo na porta! 😉